Artigo Apontamentos sobre a Indústria Têxtil Fluminense no Contexto Pós Segunda Guerra Mundial: Padrões e Peculiaridades de Fábricas com Vila Operária – Felipe Ribeiro

O artigo compõe um dossiê sobre industrialização fluminense e busca apresentar um panorama do setor têxtil de algodão no estado do Rio de Janeiro a partir da Segunda Guerra Mundial, período considerado “áureo” para as fábricas de tecidos no país. O texto propõe uma análise de algumas unidades fabris e suas vilas operárias, a partir do conceito proposto pelo antropólogo José Sérgio Leite Lopes, interpretando padrões e peculiaridades entre as fábricas estudadas.

Artigo Apontamentos sobre a Indústria Têxtil Fluminense no Contexto Pós Segunda Guerra Mundial: Padrões e Peculiaridades de Fábricas com Vila Operária, na Revista Espaço e Economia. Acessar: https://journals.openedition.org/espacoeconomia/3269?fbclid=IwAR2JJZZpNu32DOWI3v3-Egfya_375Ts0hXkRTohy-rheCzQ-FR1DNPRasWU

Ilustração: Vila Operária da Fábrica Andorinhas no início da década de 1940 (Acervo Felipe Ribeiro)

LEHMT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Apresentação do LEHMT | Paulo Fontes

qui maio 30 , 2019
Paulo Fontes, coordenador do LEHMT, apresenta o Laboratório e anuncia sua nova fase. No vídeo, Paulo também apresenta o projeto de divulgação científica e história pública LEHMT, que estreia o podcast “Vale Mais” e da série de vídeos “Labuta“.
%d blogueiros gostam disto: