Livros de Classe #13: A hidra de muitas cabeças, de Peter Linebaugh e Marcus Rediker, por Felipe Azevedo

2

Neste vídeo, Felipe Azevedo, professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), apresenta a obra A hidra de muitas cabeças: marinheiros, escravos, plebeus e a história oculta do Atlântico Revolucionário, de Peter Linebaugh e Marcus Rediker. Lançado em 2000, e traduzido para o português em 2008, o livro desafiou o “nacionalismo metodológico” e contribuiu para a recente renovação da História Social do Trabalho.

Livros de Classe

Os estudantes de graduação são desafiados constantemente a elaborar uma percepção analítica sobre os diversos campos da história. Nossa série Livros de Classe procura refletir justamente sobre esse processo de formação, trazendo obras que são emblemáticas para professores/as, pesquisadores/as e atores sociais ligados à história do trabalho. Em cada episódio, um/a especialista apresenta um livro de impacto em sua trajetória, assim como a importância da obra para a história social do trabalho. Em um formato dinâmico, com vídeos de curtíssima duração, procuramos conectar estudantes a pessoas que hoje são referências nos mais diversos temas, períodos e locais nos mundos do trabalho, construindo, junto com os convidados, um mosaico de clássicos do campo.

A seção Livros de Classe é coordenada por Ana Clara Tavares, Julia Chequer e Mariana Alves.

LEHMT

2 thoughts on “Livros de Classe #13: A hidra de muitas cabeças, de Peter Linebaugh e Marcus Rediker, por Felipe Azevedo

  1. Acabei de assistir o vídeo do livro e gostaria de saber se seria possível de colocar de forma escrita sobre o resumo de cada livro (discussões, etc) seria interessante também.

    1. Olá, Vanio! Nosso conteúdo é inteiramente baseado na generosa colaboração de estudantes, professores e pesquisadores, de maneira voluntária. Na série Livros de Classe, procuramos construir essa bibliografia comentada por especialistas, de forma simples e acessível, mas infelizmente não possuímos ainda estrutura para produção de resenhas. Muito obrigada pela sugestão! Abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Vale Mais #19: Trabalhadores e a Justiça do Trabalho

qua abr 6 , 2022
Vale Mais é o podcast do Laboratório de Estudos de História dos Mundos do Trabalho da UFRJ, que tem como objetivo discutir história, trabalho e sociedade, refletindo sobre temas contemporâneos a partir da história social do trabalho. O episódio #19 do Vale Mais é sobre os trabalhadores e a Justiça do Trabalho. Neste décimo nono episódio do Vale Mais, conversamos com a historiadora Alessandra Belo Assis Silva que defendeu recentemente a sua tese de doutoramento pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), tendo feito um período “sanduíche” na Emory University em Atlanta-EUA. Pesquisando a Justiça do Trabalho e os Trabalhadores desde a graduação e mestrado na UFJF, Alessandra defendeu em 2020 a tese “Os trabalhadores e o Tribunal Superior do Trabalho (1946-1953)”, sob orientação de Fernando Teixeira da Silva. Alessandra analisou as demandas individuais e coletivas de trabalhadores e sindicatos que chegavam ao TST num período em que essa justiça estava no início de seu desenvolvimento e que, em certa medida, buscava legitimidade para funcionar. Na parte final da entrevista, frente a precarização do trabalho que ocorre hoje no Brasil, a nossa entrevistada mostra caminhos que vem construindo, junto a seus alunos da educação básica no município de Praia Grande, com vistas a aproximar o conhecimento produzido dentro da Academia aos espaços da sala de aula. Produção: Alexandra Veras, Heliene Nagasava, João Christovão e Larissa Farias Roteiro:  Alexandra Veras, Heliene Nagasava, Veras, João Christovão e Larissa Farias  Apresentação: Larissa Farias 
%d blogueiros gostam disto: